fbpx
 
 
Estratégia Empresarial

Maior Rentabilidadee em 3 letras: BAO

Compartilhar
 
Estratégia Empresarial

agosto 14, 2013

Maior Rentabilidadee em 3 letras: BAO

Compartilhar

De acordo com a evolução dos mercados e diante de  uma ampla concorrência global,  nós, as empresas, enfrentamos uma intensa rivalidade. Além disso, o fácil acesso à tecnologia, que contribui para que os consumidores estejam mais bem informados e,  portanto, sejam mais seletivos, faz com que a dificuldade de operar um negócio e ter realmente êxito se torne maior, a cada dia.

Panorama atual: Estamos olhando para o passado

As operações complicadas, a facilidade das novas ferramentas tecnológicas e a grande quantidade de informação disponível resultam na necessidade de técnicas inovadoras que facilitem às empresas terem informação mais específica.

Historicamente, a informação para a tomada de decisões se expressa em termos de relatórios e paineis de indicadores; entretanto, estes contêm informação histórica orientada para o passado (explicam o que aconteceu), por isso os negócios que operam sob essa informação se baseiam no “feeling” e não em uma análise com foco na previsão do que pode acontecer e na maneira de reagir de modo ótimo.

Esta nova tendência no estudo e na análise da informação se denomina “Analytics”. A seguir, vamos conceitualizar esta nova tendência da análise da informação, e explicar alguns dos benefícios que ela oferece.

Evoluir para crescer

Para levar um negócio ao sucesso, é indispensável encontrar estratégias que proporcionem vantagens comparativas, com as quais a nossa empresa esteja um passo adiante da concorrência.

Em termos da informação disponível, hoje em dia não apenas se conta com acesso à informação resultante das transações diárias da organização (informação estruturada), mas, além disso são recebidas grandes quantidadees de dados a partir de fontes secundárias, como: a televisão, o rádio, buscadores na Internet e redes sociais (informação não estruturada). Estes antecedentes, através de técnicas de análise, poderiam ser uma fonte inestimável de grandes oportunidades e diferenciadores.

Para entender melhor o termo Analytics, comecemos definindo-lo, assim como a seus objetivos:

O que é Analytics?

É um conjunto de ferramentas e processos, com os quais são realizadas análises profundas de dados, para determinar eficientemente os comportamentos futuros, a partir do histórico da informação.Com a finalidade de que nossos clientes disponham da informação mais relevante e valiosa para que seus processos de tomada de decisão tenham êxito, na Sintec nós trabalhamos o conceito e a prática de Business Analytics & Optimization (BAO).

Business Analytics & OptimizationBAO – Preparados para o que vier

A BAO se especializa na previsão dos diferentes cenários de negócio possíveis e sugere cursos de ação para estes. É uma prática de consultoria na Sintec, que surge a partir de processos e ferramentas como analíticas preditivas e prescritivas.

Preparados para o que vier

A Análise Descritiva é uma técnica na qual altos volumes de informação e a mineração de dados descrevem comportamentos.

Exemplo: Uma empresa dedicada à venda de entretenimento streaming pela Internet, com milhões de clientes online por dia, poderia analisar as compras de todos os seus clientes com a finalidade de perfilar cada um deles e, no momento de que se “logueen”, o usuário entra numa página personalizada segundo seus interesses, que foram escolhidos com base em uma análise de seu histórico de compras. Este é um exemplo que é potencializado ao nível de serviço ao cliente, facilitando a transação e,  por outro lado, a partir da segmentação poderiam ser focalizados esforços de marketing. Em sua empresa, que aplicação teria a BAO?

A Análise Preditiva faz prognósticos e prediz comportamentos futuros a partir de um histórico da informação.

Exemplo: Na indústria do varejo, com uma análise preditiva seria possível examinar o histórico de compras de un cliente com cartão de fidelidade e saber a frequência com que ele compra certos produtos; isto teria a finalidade de gerar uma previsão relativa à frequência de reabastecimento de um produto em particular e desta forma procurar o cliente proativamente, para informar-lhe sobre promoções específicas; sendo possível conseguir uma fidelidade maior, assim como incrementar possivelmente o valor médio da nota de compra, realizar vendas cruzadas, entre outros.

Este exemplo também se aplica para a indústria aeronáutica, pois a partir da informação de passageiro frequente, as linhas áereas poderiam obter projeções relativas a possíveis viagens futuras de seus clientes e,  desta maneira, oferecer proativamente rotas com descontos ou promoções focalizadas.

Esses padrões são adaptáveis práticamente a todas as indústrias, a questão é enfocá-los e tirar proveito dos mesmos, gerando uma vantagem comparativa.

Do mesmo modo que a análise descritiva, a Análise Prescritiva trabalha com muitos dados, entretanto, é a opção mais avançada de Analytics. Tem como objetivo otimizar um resultado em função de variáveis relacionadas, e pode até, a partir da informação gerada, decidir qual é a melhor opção, de acordo com a otimização de um resultado esperado, realizando simulações que permitam identificar a alternativa que maximiza tal conclusão.

Exemplo: A partir de previsões de comportamentos de compra dos clientes, poderíamos chegar a determinar qual é o nível de compra de matérias primas que habilitará de maneira adequada a produção de artigos acabados que satisfaçam a demanda, com o mínimo nível de inventário e que finalmente nos possibilite cumprir o compromisso com nossos clientes, ao custo mais baixo. No final da equação, procura-se a maximização da rentabilidade do modelo, otimizando todos os elos sob um mesmo objetivo de rentabilidade.

Em termos de maturidade e complexidade no uso de Analytics, encontramos:

 Maturidade e complexidade

Alguns exemplos por setor em que a BAO pode ser utilizada:

Alguns exemplos por setor em que a BAO pode ser utilizada

Conclusões

A vantagem comparativa que facilita a informação gerada por transações, integrada com outros canais, como as redes sociais, será obtida por aquelas empresas que souberem analisar, prever, simular e otimizar essas bases de dados, e assim poderão oferecer produtos/serviços com as características específicas de valor, no tempo e forma que os consumidores desejam.

Existe um verdadeiro desafio nas organizações, derivado da constante concorrência e da existência de clientes mais bem informados, razão pela qual encontrar vantagens comparativas que consigam fazer a diferença para  a nossa empresa é indispensável para manter sustentabilidade e crescimento no longo prazo.

As tendências na análise da informação mostram um rumo claro em direção às análises preditivas e de otimização, a partir do histórico da informação, deixando no passado os relatórios e paineis de indicadores tradicionais, os quais, sem dúvida, são a base de qualquer sistema de informação, mas não são suficientes para ver o panorama completo e tomar a decisão que beneficie mais a empresa.

As empresas que adotarem e dominarem este tipo de iniciativas contarão com vntagens que as diferenciarão consideravelmente de seus concorrentes.ConclusõesAtualização (23 de agosto de 2013): Foi alterado o gráfico de Nível de Maturidade de BAO, por ser de propriedade intelectual da SAS News Magazine.

 

Na Sintec, impulsionamos uma nova geração de empresas a desafiar seus limites. Implementamos modelos de negócios transformacionais que integram práticas inovadoras, talentos e tecnologia digital


Na Sintec, impulsionamos uma nova geração de empresas a desafiar seus limites. Implementamos modelos de negócios transformacionais que integram práticas inovadoras, talentos e tecnologia digital

Abrir chat
¿Buscas más información?